Será o fim do KVM?



Direcionamento de carreira!


LCD-KVM


 

Olá confrades de tecnologia!

No fim de junho me deparei com uma situação muito inusitada, que contei com um produtivo bate-papo com amigos como Rafael Bernardes, Vinicius Mozart e outros: O tal do KVM!

Em um projeto, esbarrei em uma necessidade específica de ter no mesmo Rack (Dentro do cliente), Servers e alguns Desktops atuando como Servers (o que não sou muito fã). Daí me surgiu dificuldades com o KVM com conexões VGA para os equipamentos e desktops com DVI e Display Port (DP).

Bom a solução me parecia simples, um conversor/adaptador!

Daí, me recordando do passado, lembrei de problemas como travamento na reinicialização e não reconhecimento por parte do KVM, sem falar do ponto de vista de SI. quanto ao acesso físico à recursos dessa magnitude.

Pronto! Instaurada a “pulga atrás da orelha”! Não sou adepto da famosa gambiarra!

Em pesquisa de mercado, pude perceber que fabricantes não atualizaram suas tecnologias, descontinuaram produtos, além de escassez de KVM´s e acessórios nas revendas. Algo estava acontecendo e eu estava fora!

Me veio a questão: Preciso mesmo de um KVM? E o RDP? E o IDRAC*?

O RDP está mais do que consolidado e o IDRAC que está em sua versão 8? Nossa é uma grande ferramenta da Dell que merece um estudo minucioso, mas já atende como suporte adicional.

Resultado: Retirei sem piedade o KVM deste projeto!

Existem momentos que colocamos muita energia em processos equivocados! Temos que ter a coragem, de dizer não e investir na coisa certa!

Acho que esse tema oferece um bom debate!

 

Um forte abraço!


*Integrated Dell Remote Access Controller) IDRAC é uma ferramenta adicional que permite acessar via navegador/console todos os recursos do servidor remotamente, como se o equipamento estivesse próximo fisicamente.

 

 

 

Gonçalves

CEO da Genco, formado em Redes de Computadores pela UGF com mais de 20 anos trabalhando com TI e SI. Atuando com a terceirização dos serviços de tecnologia da informação para diversas empresas. Especialista em Segurança da Informação com foco em Soluções McAfee / Intel Security e TI em Tecnologias Microsoft, com projetos de reestruturação e continuidade de negócios.

More Posts

Follow Me:
LinkedIn

  • Lucas Vinicius

    Gonçalves,
    Em muitas situações utilizo o KVM para intercalar em máquinas que são espelho entre elas e com mesmos periféricos. Gostaria de entender melhor qual solução você adotou que possa substituir o KVM.

    Lucas Vinícius

  • Jaderson Diego

    Parabens pelo post!!

    Alguma sugestão iDRAC semelhante para servidores HP?

    • Gonçalves

      Olá Jaderson, desculpe a demora de resposta! Coisas da área!

      Obrigado pelo seu feedback!

      A HP possui o iLO. Fique atento, no caso do IDRAC por exemplo, existem versões com funcionalidades diferentes.

      Um forte abraço!

      • Maicon Bruno Alba

        Não sei se a Dell também é assim mas o iLO é licenciado, com o que vem no server vc pode acessar via web, é um console em java, porem é tipo o teamviewer, vc tem um tempo x, depois ele te desconecta e vc tem que ficar reconetando (ou licencia).

        • Uma das coisas que me da raiva e me faz preferir KVM muitas vezes…. Você compra o servidor e depois tem que licenciar iLO, no caso de alguns servidores da IBM pagar a mais para usar RAIDs específicos em suas controladoras, etc…
          Porem cada empresa tem liberdade de cobrar o que quer por seus serviços e equipamentos, a nós cabe comprar ou não.

  • Claudio Caldeira

    O RDP e mais que necessário na área de TI, o KVM apesar de não ser tão necessário ainda assim e muito útil, ainda mais quando o servidor da problema. Acredito que a área de TI precisa sempre de 2 ou mais alternativa, principalmente em desastre. Falo isso porque gerencio 4 servidores e as vezes o KVM não muda para o outro servidor mas sempre uso o RDP, mas já tive problemas com o RDP que o KVM me ajudou muito, mas isso e de cada TI, pois de um lado ajuda a empresa com custo e beneficio e por outro lado o TI perde uma alternativa. Eu colocaria no projeto se fosse contratado para trabalhar interno ou externo na empresa, se não deixaria para o TI deles decidir fora do meu projeto ou seja não colocaria.

  • Waldemar Dibiazi Junior

    Concordo com o ponto de vista… muito clientes que possuímos o iDRAC, Spice, VNC e RDP são largamente utilizados e atendem muito bem, inclusive oferecem mecanismos de seguranća mais adequados.

    • Gonçalves

      Olá Waldemar, desculpe a demora de resposta! Coisas da área!

      Muito legal você compartilhar suas experiências conosco!

      Sucesso!

      Obrigado pelo seu feedback!

      Um forte abraço!

  • Maicon Bruno Alba

    Mas Gonçales, e os Desktop’s que não tem iDrac vc não consegue acompanhar durante a reinicialização daí? seria só por RDP?

  • KVM ainda é uma ferramenta essencial para um datacenter ou CPD….. Tente identificar via RDP, VNC, Spice, etc, o porque um servidor físico não está dando sinal, se foi a placa de rede física que morreu, se foi o cabo de rede com defeito, se foi um kernel panic ou uma tela azul da morte, etc. Ela é uma ferramenta para atendimento em ultimo caso….. Realmente é complicado a necessidade de adaptadores, pois as empresas não entendo o motivo realmente tem matado esse tipo de equipamento, porem não consigo compreender uma forma de fazer um acesso direto a servidores dentro de um hack sem ele.

    • Gonçalves

      Olá Tácio, desculpe a demora de resposta! Coisas da área!

      Como disse em post anterior, a intenção é quebrar o status quo.

      É por isso que devemos planejar minuciosamente o que teremos em nosso Range.

      Portas de rede redundantes, fontes redundantes, RAID para o conjunto de discos, tudo isso deve ser previsto.

      Em desastres piores, o servidor ou lâmina, deverá ser removido do Rack ou da Blade para manutenção externa mesmo.

      Você pode se aprofundar mais em IDRAC e ILO para ver se pode te ajudar!

      Obrigado pelo seu feedback!

      Um forte abraço!

      • Realmente IDRAC e ILO ajudam bastante mesmo, porem existem casos onde acredito que um KVM seja mais viável para um teste direto do que remover um servidor de 25KG do local para identificar seu problema (que as vezes não é necessária e remoção do mesmo do local para resolução).
        Claro que em 10 ou 20 anos, o KVM não seja realmente necessário, porem ainda apoio seu uso, não sou um dos early adopters que adotam novas tecnologias ou matam outras em seu início, a não ser que veja que essa adoção me dará um ganho de cara que valha a pena.

  • alysson moura

    Acredito que a derrocada do KVM tenha começado quando os fabricantes de computadores passaram a retirar as portas PS2 dos equipamentos. Não sei vocês, mas passei várias dificuldades por conta da falta dessas conexões quando chegaram dois servidores Dell para que eu gerenciasse. Na época tinham poucas opções robustas para o ambiente que tinha, por sorte chegou depois um KVM tipo rack mount da APC parecido com o da foto acima.

    Esses servidores já possuíam o IDRAC, mas na época não conhecia o recurso. quando um técnico do suporte da Dell me informou para quê servia aquilo, fiquei bem empolgado com as possibilidades de gerenciamento que ele me proporcionou.

    • Gonçalves

      Alysson, agradeço compartilhar suas experiências conosco!

      Sucesso!